Getty Images/iStockphoto

3 ferramentas para verificar a compatibilidade de atualização do Windows 11

A atualização para o Windows 11 não é recomendada para todos os PCs. Ferramentas como PC Health Check avaliam se um dispositivo atende às especificações e requisitos para atualização.

A atualização para o Windows 11 pode trazer muitos benefícios, desde que o PC esteja pronto para isso. Os administradores de TI devem verificar se os PCs podem lidar com o Windows 11 antes de prosseguir com esta atualização.

A Microsoft lançou o Windows 11 em 5 de outubro de 2021, com recursos importantes, incluindo melhor suporte para desktops virtuais e um botão Iniciar reposicionado com capacidade de executar aplicativos Android. Outros recursos incluem a opção de personalizar widgets, que os usuários podem acessar diretamente na barra de tarefas, e uma interface mais simples com cantos arredondados e um menu Iniciar e barra de tarefas centralizados.

Embora os componentes internos do sistema operacional não pareçam ter mudado muito em relação ao Windows 10, certos requisitos de hardware do Windows 11 apresentam desafios de atualização para PCs adquiridos antes de 2018. A Microsoft não recomenda atualizar máquinas mais antigas para o Windows 11. Embora os usuários possam atualizar PCs mais antigos à força, a Microsoft pode reter atualizações futuras, incluindo patches de segurança, desses PCs.

Principais requisitos de hardware do Windows 11

Todos os detalhes relativos às especificações e requisitos do Windows 11 estão disponíveis na Microsoft. Alguns poucos provavelmente apresentarão problemas de compatibilidade para PCs mais antigos. Os PCs mais antigos devem oferecer suporte aos seguintes recursos ou capacidades:

  • Firmware do sistema. Requer Interface de Firmware Extensível Unificada e deve ser compatível com Inicialização Segura.
  • Módulo de plataforma confiável. Deve executar o TPM versão 2.0 ou superior.
    • Isso não requer circuitos TPM discretos. CPUs Intel, AMD e Azure Resource Manager (ARM)/Qualcomm mais recentes dão suporte ao TPM 2.0 por meio de emulação de firmware.
  • Requisitos de CPU
    • Deve ser CPU de oitava geração ou mais recente, com pequenas exceções de sétima geração para determinados Microsoft Surface PCs.
    • Deve ser Epyc 72xx ou superior, ou CPU Ryzen 2300X ou superior –incluindo a maioria dos modelos Ryzen 3 e 5.
    • ARM/Qualcomm. Deve ser Snapdragon 7c ou 8xx, ou modelo MS SQ1 ou SQ2.

Ferramentas para avaliar a preparação da atualização do Windows 11

A Microsoft oferece um aplicativo PC Health Check, disponível na Microsoft Store, que funciona em PCs individuais, um de cada vez. Para encontrar o aplicativo, digite "PC Health Check" na caixa de pesquisa do Menu Iniciar.

Se a versão do PC Health Check em um PC de destino estiver desatualizada, a Microsoft atualizará o aplicativo antes de ser executado. Quando o aplicativo PC Health Check for aberto, clique em Verificar agora para executar a avaliação dos requisitos de sistema do Windows 11.

Clique em Ver todos os resultados no pop-up resultante para acessar a janela PC Health Check e descobrir se o PC de destino atende aos requisitos do Windows 11.

As organizações de TI podem usar ferramentas de avaliação de compatibilidade do Windows 11 de terceiros em PCs corporativos porque a verificação de integridade do PC não funciona com o gerenciamento de PC baseado em políticas. Nesses PCs, a verificação da ferramenta nativa da Microsoft produz apenas um resultado de erro.

Para PCs que não podem executar corretamente a ferramenta PC Health Check, existem algumas ferramentas de terceiros que os administradores de TI podem experimentar. WhyNotWin11 é um projeto disponível no GitHub que é executado como um aplicativo Windows autônomo. Ele relata uma série de verificações executadas em PCs de destino, como compatibilidade de CPU e disponibilidade de armazenamento. O aplicativo lista os requisitos para o Windows 11 e identifica quais o PC de destino atende e não atende.

WhyNotWin11 mostra uma CPU incompatível e um TPM ausente.

A Verificação de Compatibilidade do Windows 11 é outro projeto disponível no GitHub que assume a forma de um arquivo em lotes e é executado dentro de um prompt de comando administrativo ou janela do PowerShell nos PCs de destino. Ele também funciona em PCs gerenciados centralmente para produzir uma lista de quais requisitos do Windows 11 um PC de destino atende e não atende. Para realizar a verificação, inicie o CMD.exe no diretório onde reside o Win11CompChk.bat e execute o arquivo, ou faça o mesmo em uma sessão do PowerShell.

O arquivo Win11CompChk.bat fornece um pouco mais de detalhes sobre o que está faltando.

Automatizando verificações de compatibilidade

Tanto o WhyNotWin11 quanto o Windows 11 Compatibility Check podem ser executados remotamente por meio de scripts do PowerShell ou arquivos em lote. Cada um deles suporta um recurso de exportação para salvar os resultados e enviá-los para um ponto de coleta central. Os administradores de TI devem incorporar esses scripts com dados para identificar os PCs aos quais os resultados endereçam –nome da máquina ou algum outro identificador exclusivo, como ID do ativo ou ID do fornecedor– para que possam distinguir um computador do outro após a coleta dos dados de compatibilidade.

Os resultados de qualquer uma dessas ferramentas devem fornecer à TI as informações para determinar qual parte da frota de PCs está pronta para o Windows 11 e qual não está.

A correção antes da atualização do Windows 11 geralmente requer a substituição de computadores antigos incompatíveis por computadores mais novos e compatíveis. No entanto, o fim da vida útil do Windows 10 não ocorre até 14 de outubro de 2025. Isso deve ser longo o suficiente para planejar a migração e gerenciar o ciclo de atualização para comprar computadores substitutos.

Saiba mais sobre Windows

ComputerWeekly.com.br
ComputerWeekly.es
Close